You are currently browsing the category archive for the ‘música católica’ category.

9º dia da novena de Natal com São João da Cruz

Do Nascimento

Romance 9º

Quando foi chegado o tempo
Em que de nascer havia,
Assim como o desposado,
Do seu tálamo saía
Abraçado à sua esposa,
Que em seus braços a trazia;
Ao qual a bendita Mãe
Em um presépio poria
Entre pobres animais
Que então por ali havia.
Os homens davam cantares,
Os anjos a melodia,
Festejando o desposório
Que entre aqueles dois havia.
Deus, porém, no presépio
Ali chorava e gemia;
Eram jóias que a esposa
Ao desposório trazia;
E a Mãe se assombrava
Da troca que ali se via:
O pranto do homem em Deus,
E no homem a alegria;
Coisas que num e no outro
Tão diferente ser soía.

Finis

 

Leitura bíblica: Lc 2, 6-14

“Estando eles ali, completaram-se os dias dela. E deu à luz seu filho primogênito, e, envolvendo-o em faixas, reclinou-o num presépio; porque não havia lugar para eles na hospedaria.
Havia nos arredores uns pastores, que vigiavam e guardavam seu rebanho nos campos durante as vigílias da noite. Um anjo do Senhor apareceu-lhes e a glória do Senhor refulgiu ao redor deles, e tiveram grande temor. O anjo disse-lhes: “Não temais, eis que vos anuncio uma boa nova que será alegria para todo o povo: hoje vos nasceu na Cidade de Davi um Salvador, que é Cristo Senhor. Isto vos servirá de sinal: achareis um recém-nascido envolto em faixas e posto numa manjedoura.” E subitamente ao anjo se juntou uma multidão do exército celeste, que louvava a Deus e dizia: Glória a Deus no mais alto dos céus e na terra paz aos homens, objeto da benevolência divina.”

Canto: Noite Feliz

Noite feliz, noite feliz
Ó Senhor, Deus de amor
Pobrezinho nasceu em Belém
Eis na Lapa Jesus, nosso bem
Dorme em paz ó Jesus (2X)

Noite feliz, noite feliz
Eis que no ar vêm cantar
Aos pastores os anjos do céu
Anunciando a chegada de Deus
De Jesus Salvador (2x)

Noite feliz, noite feliz
Ó Jesus, Deus da luz
Quão afável é o seu coração
Que quiseste nascer nosso irmão
E a nós todos salvar (2x)

Oração: Senhor, que quisestes vos igualar a nós vindo ao mundo como uma criança, fazei que vos imitemos em vossa pureza, humildade e simplicidade. Dai-nos a graça de acolher-vos em nossos corações e amar-vos acima de todas as coisas. Que o Natal para nós não seja um único dia, mas um constante acolhimento de vossa vontade e amor. Amém.

Pai Nosso, Ave-Maria, Glória

8º dia da novena de Natal com São João da Cruz

Prossegue

Romance 8º

Então chamou-se um arcanjo
Que S. Gabriel se dizia,
Enviou-o a uma donzela
Que se chamava Maria,
De cujo consentimento
O mistério dependia;
Na qual a santa Trindade
De carne ao Verbo vestia;
E embora dos três a obra
Somente num se fazia;
Ficou o Verbo encarnado
Nas entranhas de Maria.
E o que então só tinha Pai,
Já Mãe também teria,
Embora não como outra
Que de varão concebia,
Porque das entranhas dela
Sua carne recebia;
Pelo qual Filho de Deus
E do Homem se dizia.

Leitura Bíblica: Lc 1, 26-38

“No sexto mês, o anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galiléia, chamada Nazaré, a uma virgem desposada com um homem que se chamava José, da casa de Davi; e o nome da Virgem era Maria. Entrando, o anjo disse-lhe: “Ave, cheia de graça, o Senhor é contigo.” Perturbou-se ela com estas palavras e pôs-se a pensar no que significaria semelhante saudação.
O anjo disse-lhe: “Não temas, Maria, pois encontraste graça diante de Deus. Eis que conceberás e darás á luz um filho, e lhe porás o nome de Jesus. Ele será grande e chamar-se-á Filho do Altíssimo, e o Senhor Deus lhe dará o trono de seu pai Davi; e reinará eternamente na casa de Jacó, e o seu reino não terá fim.” Maria perguntou ao anjo: “Como se fará isso, pois não conheço homem?” Respondeu-lhe o anjo: “O Espírito Santo descerá sobre ti, e a força do Altíssimo te envolverá com a sua sombra. Por isso o ente santo que nascer de ti será chamado Filho de Deus. Também Isabel, tua parenta, até ela concebeu um filho na sua velhice; e já está no sexto mês aquela que é tida por estéril, porque a Deus nenhuma coisa é impossível.” Então disse Maria: “Eis aqui a serva do Senhor. Faça-se em mim segundo a tua palavra.” E o anjo afastou-se dela.”

 

Canto: Maria e o Anjo

Quem serás tu criatura bela,
Que encheu meu quarto com tua luz,
O teu olhar me trouxe a paz,
Tua presença me refaz.

Eu sou o Anjo Gabriel
Venho em nome do Senhor
Darás a luz ao Salvador
Serás a mãe do Emanuel

Por que teus lábios tremem tanto assim?
Por que não tira os seus olhos de mim?

Há tanta graça estar diante de ti
E o céu inteiro espera por teu sim

Não temas doce anjo do Senhor
Escuta o que agora eu vou falar
Sorria e vai ao céu anunciar
Sim eu serei a mãe do Salvador

Ave Maria, quanta alegria
O céu se encheu de luz
Pois vai nascer Jesus
Santa Maria, Deus escolheu-te bem
E todos os Anjos cantam Amém!

Oração: Senhor, que te fizeste carne no seio da Virgem Maria, dai-nos a graça de também encarnar tua presença em nossas vidas, imitando tuas palavras, atitudes e sentimentos. Que a Virgem Santíssima nos ensine a acolher-te em nossas vidas como sacrários vivos do teu amor. Amém.

Pai Nosso, Ave-Maria, Glória.

7º dia da novena de Natal com São João da Cruz

Prossegue

A Encarnação

 

Romance 7º

Já que o tempo era chegado
Em que fazer-se devia
O resgate da esposa
Que em duro jugo servia,
Debaixo daquela lei
Que Moisés dado lhe havia,
O Pai com amor terno
Desta maneira dizia:
– Já vês, Filho, que tua esposa
À tua imagem feito havia,
E no que a ti parece
Contigo coincidia;
Mas é diferente na carne,
Que em teu simples ser não havia.
Pois nos amores perfeitos
Esta lei se requeria,
Que se torne semelhante
O amante a quem queria,
Porque a maior semelhança
Mais deleite caberia;
O qual, por certo, em tua esposa
Grandemente cresceria
Se te visse semelhante
Na carne que possuía.
– Minha vontade é a tua
– O Filho lhe respondia –
E a glória que eu tenho
É tua vontade ser a minha;
E a mim me agrada, Pai,
O que tua Alteza dizia,
Porque por esta maneira
Tua bondade se veria;
Ver-se-á teu gran poder;
Justiça e sabedoria;
Irei a dizê-lo ao mundo
E notícia lhe daria
De tua beleza e doçura,
De tua soberania.
Irei buscar minha esposa
E sobre mim tomaria
Suas fadigas e dores
Em que tanto padecia;
E para que tenha vida,
Eu por ela morreria,
E tirando-a das profundas,
A ti a devolveria.

Leitura bíblica: Ef 5, 25-30

“Maridos, amai as vossas mulheres, como Cristo amou a Igreja e se entregou por ela, para santificá-la, purificando-a pela água do batismo com a palavra, para apresentá-la a si mesmo toda gloriosa, sem mácula, sem ruga, sem qualquer outro defeito semelhante, mas santa e irrepreensível. Assim, os maridos devem amar as suas mulheres, como a seu próprio corpo. Quem ama a sua mulher, ama-se a si mesmo. Certamente, ninguém jamais aborreceu a sua própria carne; ao contrário, cada qual a alimenta e a trata como Cristo faz à sua Igreja – porque somos membros de seu corpo.”

Canto: Belíssimo Esposo


Beijo a Tua paixão que me liberta das minhas paixões
Beijo a Tua cruz que condena e esmaga o pecado em mim
Beijo Teus cravos, Tuas mãos que apaga o castigo do mal
Beijo Tua ferida que curou a ferida do meu coração
Eu Te beijo Senhor e a Tua paixão é o Meu Tudo!
És Meu Tudo, Jesus Amado de minh’alma

Refrão: Oh Belíssimo Esposo!
Mais belo que todos os homens!
Santo, santo és Tu!
Belíssimo Esposo!
Esconde-me em Teu lado aberto!
Em Tua chaga de Amor… de Amor!

Beijo a lança que abriu a fonte do Amor imortal,
a fonte do Amor sem fim
Que pagou o que eu não poderia pagar
Beijo o Teu lado aberto jorrando rios de vida e de paz
Fazendo brotar em mim um canto novo, um hino esponsal
Beijo Tuas vestes que esconderam minhas misérias
Vergonha não há, me adornas com Amor!

Refrão

Beijo os lençóis que envolveram o Teu corpo ferido de Amor
E cobriram meu coração, revestiram-me de realeza
Beijo o Teu Santo Sepulcro, testemunha da Ressurreição
Quero ressuscitar também e encerrar-me dentro de Ti
Quero em Ti mergulhar e então renascer na Tua chaga criadora
Descansar a minh’alma em Teu coração!

Refrão


Oração: Senhor, que desposaste a humanidade e a libertaste de toda miséria, fazei que correspondamos ao vosso amor vivendo em santidade e entrega total a ti. Que da mesma forma que te fizestes semelhante aos homens também nós busquemos cada vez mais a semelhança contigo e façamos de tudo para agradar-te. Amém.

Pai Nosso, Ave-Maria, Glória

5º dia da novena de Natal com São João da Cruz

Prossegue

Romance 5º

Com esta bendita esperança
Que de cima lhes viria,
O peso dos seus trabalhos
Mais leve se lhes fazia;
Mas a prolongada espera
E o desejo que crescia
De gozar-se com o Esposo
De contínuo os afligia.
Por isso com orações,
Com suspiros e agonia,
Com lágrimas e com gemidos
Lhe rogavam noite e dia
Que já se determinasse
A fazer-lhes companhia.
Uns diziam: Oh! Se fosse
No meu tempo essa alegria!
Outros: Acaba, Senhor,
Ao que hás de enviar, envia;
Outros: Oh! Se já rompesses
Esses céus, eu já veria
Com meus olhos que descesses,
E meu pranto cessaria!
Rogai, ó nuvens do alto,
Porque a terra to pedia,
E abra-se já a terra
Que espinhos nos produzia,
E produza aquela flor
Com que ele floresceria.
Outros diziam: Oh! Ditoso
Quem em tal tempo vivia,
Que mereça ver a Deus
Com os olhos que possuía,
Tratá-lo com suas mãos,
Estar em sua companhia,
E desfrutar os mistérios
Que ele então ordenaria!

 

Leitura bíblica: Mt 13, 16-17

“Mas, quanto a vós, bem-aventurados os vossos olhos, porque veem! Ditosos os vossos ouvidos, porque ouvem! Eu vos declaro, em verdade: muitos profetas e justos desejaram ver o que vedes e não o viram, ouvir o que ouvis e não ouviram.”

 

Canto: Das alturas orvalhems os céus (Clique para ouvir)

Refrão: Das alturas orvalhem os céus,
E as nuvens que chovam justiça,
Que a terra se abra ao amor
E germine o Deus Salvador.

Foste amigo, antigamente,
Desta terra que amaste,
Deste povo que escolheste;
Sua sorte melhoraste,
Perdoaste seus pecados,
Tua raiva acalmaste.

Refrão

Vem de novo restaurar-nos
Sempre irado estarás?
Indignado contra nós
E a vida não darás?
Salvação e alegria
Outra vez não nos trarás?

Refrão

Escutemos suas palavras,
É de paz que vai falar;
Paz ao povo, a seus fiéis,
A quem dele se achegar.
Está perto a salvação
E a glória vai voltar.

Refrão

Oração: Senhor Jesus, te louvamos porque nos concedestes a graça de ver tuas maravilhas e ouvir tuas palavras. Permanece conosco para que não te ofendamos com nossa incredulidade e falta de confiança. Fortalece em nós a fé e a esperança e fazei que nossos corações sejam terra fecunda para acolher-te. Amém

Pai Nosso, Ave-Maria, Glória

4º dia da novena de Natal com São João da Cruz

Prossegue


Romance 4º

-Faça-se, pois – disse o Pai –
Que o teu amor o merecia.
E neste dito que disse,
O mundo criado havia;
Um palácio para a esposa,
Feito em gran sabedoria;
O qual em dois aposentos,
Alto e baixo dividia.
O baixo que diferenças
Infinitas possuía;
Mas o alto requintava
De admirável pedraria,
Para que conheça a esposa
O Esposo que possuía.
No mais alto colocava
A angélica hierarquia;
Mas a natureza humana
No inferior a poria,
Por ser sua compleição
Algo de menor valia.
E embora o ser e os lugares
Desta sorte os repartia;
Eram todos um só corpo
Da esposa que dizia,
Que o amor dum mesmo Esposo
Uma esposa os fazia,
Os de cima possuíam
O Esposo na alegria,
Os de baixo em esperança
Da fé que lhes infundia,
Dizendo-lhes que a seu tempo
Ele os engrandeceria,
E que aquela sua baixeza
Ele lha levantaria,
De maneira que ninguém
Jamais a insultaria;
Porque em tudo semelhante
Ele a eles se faria
E viria ter com eles,
E com eles moraria;
E que Deus seria homem,
E que o homem Deus seria,
E trataria com eles,
Comeria e beberia;
E para sempre com eles
O mesmo se ficaria
Até que se consumasse
Este tempo que corria,
E que juntos se gozassem
Em eterna melodia;
Porque ele era a cabeça
Da esposa que possuía,
À qual todos os membros
Dos justos ajuntaria,
Porque são corpo da esposa,
A quem ele tomaria
Em seus braços ternamente,
E ali seu amor lhe daria;
E que assim juntos num só
Ao Pai a levaria,
Donde do mesmo deleite
Que Deus goza, gozaria;
Que, como o Pai e o Filho,
E o que deles procedia
Como um vive no outro,
Assim a esposa seria,
Que dentro de Deus, absorta,
Vida de Deus viveria.

 

Leitura bíblica: (Fl 2, 5-7)

“Dedicai-vos mutuamente a estima que se deve em Cristo Jesus. Sendo Ele de condição divina, não se prevaleceu de sua igualdade com Deus, mas aniquilou-se a si mesmo, assumindo a condição de escravo e assemelhando-se aos homens.”

Canto: Simplesmente Amar
Vida Reluz

O amor nasceu em meio ao frio de uma noite
Sem um lugar para ficar…Desaconchego sim
Palhas para deitar e ao seu redor os animais que ali moravam
Mesmo sendo Rei, pobre se fez, só por amor

Simplesmente amar, é o que importa para quem quiser servir
Simplesmente amar, é a condição maior suprema do servir
Eis a verdadeira vocação: Simplesmente amar

O amor cresceu em meio a nós e ao homem se igualou
Não procurou seus interesses, não…
Do próximo quis lavar os pés como sinal de igualdade
Na cruz se entregou e perdoou só por amor

Como dizer “Senhor te amo” sem mesmo vê-lo.
E ser incapaz de amar o outro que está ao lado se poder ver ?!
O que não ama e não conhece a Deus,
Porque Deus é amor!

 

Oração: Senhor Jesus, que elevastes o homem à condição divina assumindo a condição humana, vos agradecemos por este grande dom e vos pedimos a graça de imitarmos vosso amor e vossa humildade. Que sirvamos ao próximo de forma desinteressada, buscando sua promoção humana e crescimento espiritual. Amém.

2º dia da novena de Natal com São João da Cruz

Da comunhão das Três Pessoas

Romance 2º

E naquele amor imenso
Que de ambos procedia,
Palavras de grande gozo
O Pai do Filho dizia,
De tão profundo deleite,
Que ninguém as entendia;
Somente o Filho as gozava,
Pois a ele pertencia.
Mas naquilo que se entende,
Desta maneira dizia:
– Nada me contenta, Filho,
Fora da tua companhia.
E se algo me contenta
Em ti mesmo o quereria.
O que a ti mais se parece,
A mim mais satisfazia;
E o que em nada te assemelha,
Em mim nada encontraria.
Só de ti eu me agradei,
Ó vida da minha vida!
És a luz da minha luz!
És minha sabedoria;
Figura da minha substância,
Em quem bem me comprazia.
Ao que a ti te amar, meu Filho,
A mim mesmo me daria,
E o amor que eu em ti tenho,
Nele mesmo eu o poria,
Por razão de o ter amado
Aquele a quem tanto queria.

Leitura Bíblica: Jo 14, 21 

“Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda, esse é que me ama. E aquele que me ama será amado por meu Pai, e eu o amarei e manifestar-me-ei a ele.”

Canto: Jesus, manso e humilde
Composição: Fábio Roniel

Meu Jesus, venho a Ti
Aceita meu clamor e minha oração!
Meu Jesus, estou aqui
Preciso do carinho de tuas mãos
Acaraciando o meu coração
Endurecido e machucado
Que não sabe perdoar
Fechado somente na razão está
Então ensina-me Senhor a amar
E a entender que para amar é preciso se humilhar

Jesus, manso e humilde de coração
Viver com este coração eu não posso
Jesus manso e humilde de coração
Fazei o meu coração semelhante ao vosso

 

Oração:

Senhor, dai-nos a graça de amar-vos e guardar vossos mandamentos. Que nos tornemos filhos cada vez mais semelhantes a ti para agradarmos ao Pai e alcançarmos seu favor. Que nosso rosto reflita o teu e nossa conduta espelhe a tua e assim alcancemos uma vida de santidade guiados por teu Espírito. Amém

 Pai Nosso, Ave-Maria, Glória

Atualmente minha banda católica preferida é a Toca de Assis. É um conjunto que eu posso comprar o CD novo sem conhecer nenhuma música e tenho certeza que vou gostar muito (aliás, fiz isso na última vez que comprei o CD deles, “Do altar de Deus ao altar dos pobres” e realmente achei fantástico).

Não sou grande entendido em técnica e arranjos musicais, mas avalio as músicas de acordo com o que elas comunicam ou levam a experimentar, e as cançõesda Toca possuem uma profundidade e uma espiritualidade imensas, levam o coração a uma verdadeira adoração.

Abaixo, minha música preferida deles, composta pelo Nicodemos Costa da Comunidade Shalom, mas que achei perfeita na versão “toqueira”. Não precisa de muitas palavras. A letra e a melodia já dizem tudo.

Fogo Abrasador

 

Se tu inflamas o meu coração
Se tu somente és a minha razão
De viver e amar
Em tuas mãos minha vida está,
Teu coração é onde eu quero morar e unir-me em amor
Como um fogo abrasador

Inflama faz subir tuas centelhas de amor
Em chamas do teu coração aberto meu Senhor
Inflama faz subir tuas centelhas de amor
Em chamas do teu coração aberto meu Senhor

Seja adorado pra sempre Senhor
Quero te amar como amado eu sou
E em louvor me darei
Tua vontade a minha uma só
teu coração e o meu seja um só
movimento de amor como fogo abrasador

Inflama faz subir tuas centelhas de amor
Em chamas do teu coração aberto meu Senhor
Inflama faz subir tuas centelhas de amor
Em chamas do teu coração aberto meu Senhor

Aproveitando o embalo da mensagem papal  para a 44º jornada das comunicações sociais, posto um clipe muito legal da música “Nossa Missão”, cantada por Adriana e vários expoentes da música católica.

Aonde mandar eu irei, ainda que seja em algum lugar do ciberespaço, afinal, Roma locuta causa finita ;-)

Desde o ventre da minha mãe
Já me conhecia
Antes que eu nascesse
Jesus me escolheu

Hoje a minha vida
É para o seu louvor
Sigo anunciando o seu eterno amor

Aonde mandar eu irei
Seu amor eu não posso ocultar
Quero anunciar para o mundo ouvir
Que Jesus é o nosso Salvador.(2x)

Grato eu estou Senhor
Porque me confiaste
A missão de proclamar o seu eterno amor

Mesmo sendo tão pequeno
Me deste autoridade
De em seu nome anunciar
A paz e a liberdade

Aonde mandar eu irei
Seu amor eu não posso ocultar
Quero anunciar para o mundo ouvir
Que Jesus é o nosso Salvador. (2x)

Confesso que ando em uma fase bastante “rosariana”. Depois de vários anos “Arnaldo Antúnicos” (Socorro! Não estou sentindo nada), vivi um ano um tanto quanto “Mesmo fraco e em pedaços, obrigado por estar aqui”.

Agora, com mais tranquilidade, acompanho o novo trabalho do Rosa de Saron, Horizonte Distante. Comprei mais por curiosidade, sem grandes expectativas, mas me surpreendi com o resultado do trabalho.

Senti as músicas menos melancólicas e mais otimistas (mesmo as mais reflexivas), sem deixar o estilo poético da banda. Um cd bem gostoso de escutar, especialmente em período de relativa calmaria. Dar um simples passo de cada vez e entender que amanhã será um novo dia é uma boa forma de começar o ano.

 Abaixo, a música “Sol da meia-noite”, que abre o cd “Horizonte Distante”

É estranho e difícil
de dizer que está tudo bem
Se há alguma coisa,
Então venha entender
O quanto só você
Pode dar um simples passo de cada vez

 O Sol da meia-noite
Aqui existe você,
Pense, pare e veja que o amor resiste
Olhe, prova, sente, toca

É Deus que te faz entender toda poesia
E torna mais valiosa a vida
E prova que ainda dá pra ser feliz
Apenas atenda quem chama

 E perceba
Que só ele pode compreender o seu interior
E a suas dores afastar, o seu sonho realizar, a sua vida transformar
Basta que você entenda

Que é Deus que te faz entender toda poesia
E torna mais valiosa a vida
E prova que ainda dá pra ser feliz
Apenas atenda quem chama

E peça que nessa noite Ele te toque e cure todas suas feridas
E vele o sono e espere acordar
Amanhã será um novo dia

Amanhã (Amanhã)…
Amanhã (Amanhã)! A domani, À demain, Amanhã, Mañana, Morgen, Tomorrow!

 Que é Deus que te faz entender toda poesia
E torna mais valiosa a vida
E prova que ainda dá pra ser feliz
Apenas atenda quem chama

E peça que nessa noite Ele te toque e cure toda suas feridas
E vele o sono e espere acordar
Amanhã será um novo dia

COMUNICAÇÃO, CULTURA E CATOLICISMO

outubro 2014
S T Q Q S S D
« dez    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

São João Batista

São João Batista

@aluisiosp

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: